ARTE_SINGLE_CRUZAMENTOS (1).jpg

Escute aqui ou baixe o single de graça

Se puder faça uma doação pra banda ;)

Eu vejo um brilho de olho atrás de uns óculos escuros
Ai ela é tão bonita, será que sorriu pra mim?


A arte imita a vida, a vida às vezes imita um muro
Tanta gente correndo sem conseguir sair do lugar
O que é que há? O que haverá? Como será o futuro?
Que carro vai fazer a gentileza de parar?


Pra brilhar mais claro que os sinais
Pra poder cantar mais alto
E voar muito mais veloz
Que os automóveis embriagados
É preciso ser fiel é condição
Da humanidade
Que é feita de pó do chão
De carne, osso e vontade


Devia haver alguém, em algum lugar, uma resposta,
Mas faz tanto calor que está difícil de pensar
Quem vai ficar parado à espera da melhor proposta
A vida é quem te aposta sem saber se vai ganhar
Como mudar, como inventar o mundo à nossa volta
Se ninguém mais concorda nem por onde começar?


Pra brilhar mais claro que os sinais
Pra poder cantar mais alto
E voar muito mais veloz
Que os automóveis embriagados
É preciso ser fiel é condição
Da humanidade
Que é feita de pó do chão
De carne, osso e vontade

Cruzamentos é uma música sobre movimento. O pop se movimenta em direção ao samba, e há um movimento da distorção para a batucada. É sobre o movimento fervilhante da cidade, e o movimento fervoroso da consciência humana. É sobre dúvida, energia e esperança e todos seus cruzamentos. :) 

FICHA TÉCNICA

Hévelin Gonçalves: voz

Rui Xavier: voz, letra, melodia

Wady Issa Fernandes: harmonia, arranjo, violão, voz

Lucas Blinhas: bateria

Flavio Hernandes: baixo

Gustavo Gothardo: percussão

Doug Froemming: guitarra

Vagner Ordônio "Vavá": flauta e sax

Produção Executiva: Rui Xavier e Hévelin Gonçalves

Mixagem e Pós Produção: Sergio Basseti